Unha e Carne

3 Comentários

Já ouviram falar no teste do casal perfeito? Pois é. Existe. Por isso foram lá xeretar. Basta dizer que a técnica toda é muito simples. Um jogo de perguntas e respostas. E começaram por ele.

_Onde se conheceram?

_No pronto-socorro em que ela trabalhava como enfermeira.

_Quando?

_Vinte e quatro de novembro de 2008.

_Como foi isso?

_Fui ao ambulatório depois dum jogo. Uma final apertadíssima de Másters contra Monsters. O corpo todo lanhado, sangrando, e vários ossos fraturados. Na panturrilha direita tomei doze pontos. Coisa feia, viu? Quase não davam conta de suturar. Anestesia? Nem quis, que sou macho. E macho não precisa dessas coisas. Num dei um pio que fosse. Sou duro que nem pedra, juro procê…

_Como ela estava naquele dia?

_Nunca vou esquecer. Usava um jaleco branco. E por baixo um vestidinho justo, decotado. Batonzão vermelho. Salto agulha. O mulherão dos mulherões. Cê ficaria bobo de ver…

_Como você estava no dia?

_Não lembro direito. Provavelmente com minha camisa da sorte. Que vestia sempre. Só não usei mais porque perdi. Acho que esqueci no escritório. Outro dia, num cruzamento perto de casa, topamos cum homão trajado dela. Mundo pequeno, hein? Cheguei a pensar em oferecer um dinheirinho ao sujeito: pra que a devolvesse e enquadrasse para sempre. Acontece que virou numa esquina e sumiu. Ai que dó…

_Quem se apaixonou primeiro?

_Não tá na cara, não? Foi ela, claro. Depois, eu. Nem tinha outro jeito, pensa bem:  ficou impressionada com o meu estilo e boniteza. E sabe como mulher é esperta, né? Acho que despertei algo de primitivo e selvagem nela. Tanto é que ficou caidinha por mim e resolveu dar um bote no garanhão aqui – assinalando_ Taí. De boba não tem nada, mesmo…

_Sua parceira confirma a história?

_Sem tirar, nem pôr. Pode apostar. Afinal, somos unha e carne. Anote aí…

Agora, a vez dela. E recomeçaram. Sempre as mesmas perguntas.

_Onde se conheceram?

_No pronto-socorro em que eu trabalhava como enfermeira.

_Quando?

_Vinte e quatro de novembro de 2008.

_Como foi isso?

_Ele veio ao ambulatório depois dum jogo. Uma pelada frouxa de Solteiros contra Casados. O corpo um pouco lanhado, mas por sorte não sangrava e nem quebrara nadinha. Na panturrilha direita, dois pontinhos. Coisa à toa, viu? Quase nem precisava suturar. Anestesia? Nem quis, que o bicho se pela de medo duma injeção que só ele. Deu mais trabalho que criança. Tô pra vê homem mais mole, juro procê…

_Como você estava naquele dia?

_Não lembro direito. Com certeza usava meu jaleco branco. Talvez por baixo um conjunto de moletom, confortável. Cara lavada. Pantufinha. A rainha das sem graças. Cê ficaria bobo de ver…

_Como ele estava no dia?

_Nunca vou esquecer. Uma camisa surrada e fedida. Que vestia sempre. Só não usou mais porque enchi. E dei fim nela enquanto estava no escritório.  Outro dia, num cruzamento perto de casa, topamos cum pobrezinho trajado dela. Mundo pequeno, hein? Cheguei até a pensar em oferecer um dinheirinho ao sujeito: pra que a retalhasse e destruísse para sempre. Acontece que virou numa esquina e sumiu. Ai que bom…

_Quem se apaixonou primeiro?

_Não tá na cara, não? Foi ele, claro. Depois, eu. Nem tinha outro jeito, pensa bem: fiquei impressionada com o desarranjo do fulano. E sabe como mulher é besta, né? Acho que despertou algo de meigo e protetor em mim. Tanto é que fiquei com uma dózinha danada e resolvi dar uma chance ao moço. Tão bonzinho, gente… – assinalando_ Taí. Sou muito boba, mesmo…

_Seu parceiro confirma a história?

_Sem tirar, nem pôr. Pode apostar. Afinal, somos unha e carne. Anote aí…

dreamstime_m_37020241

 

3 comentários sobre “Unha e Carne

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s