Putz

3 Comentários

Homem apaixonado é enguiço. Pode nem tocar, que desmancham por inteiro.

Aconteceu com ele. Atolado em amor até as canelas e ansiando por mais. Não conseguia sequer pensar no diacho da moçoila sem que o corpo inteiro contraísse ou seu estômago revirasse. De certo só o futuro que se abria a sua frente: ao lado dos filhos, netos e uma familiarada sem fim.

Faltou combinar com a moça. Claro. Mas isso era fácil corrigir. Tinha até um plano. Que começou mais ou menos assim:

Primeiro, a abordagem direta. Um fiasco, diga-se de passagem. Já que a bela foi e voltou uma centena de vezes. E ele, nada. Emperrado. Ali. Sem lhe endereçar um minguado Oi que fosse.

Então, ligou. E desligou. E ligou de novo. E desligou mais uma vez. Tanto que desistiu. Ok, pensou ele, Um SMS seria melhor, e começou a digitar. Travando logo na primeira linha. Afinal, como se dirigir adequadamente a sua futura esposa? Prezada Fulana, Querida Fulana, ou apenas, Fulana?

Pensou, pensou e na dúvida resolveu dividir seu dilema com um amigo. A quem perguntou.

_Se tivesse uma namorada e decidisse escrever para ela, como você…

_Impossível.

_Hein?

_Caso tenha se esquecido, não me interesso por garotas. E não tenho nenhum problema com minhas opções sexuais, sendo assim gostaria que as respeitasse também.

_Sei disso.

_Se sabe, por que pergunta?

Respirou fundo e tentou novamente, Mas se você, de mentirinha, pensasse em sair com uma garota…

_Credo!

_De mentirinha…

_Nem assim.

_Mas..

_Não.

_E se…

_Nunca.

Desesperou, E o meu recado?

_Não mande – pra emendar na sequência_ Quer conhecer um dos meus amigos? Apresento a você.

_Não, obrigado. Prefiro ela.

_Nesse caso, não posso ajudar.

_E faço o quê?

_Sei lá. Foque em algo mais útil – mudando drasticamente o rumo daquela conversa_ Já pensou em trabalhar? De vez em quando é bom, sabia?

_Perdi o emprego. País em crise, esqueceu? – devolveu mal-humorado

_Pois arrume outro. Dê seus pulos, que mulher nenhuma gosta dum cidadão encostado – pior de tudo é que tinha razão.

E foi o que fez. Iniciando pelo currículo e engatando numa carta de apresentação. Mas acabou travando. Logo na primeira linha. Afinal, como se dirigir adequadamente ao seu futuro empregador? Prezado Fulano, Querido Fulano, ou apenas… Fulano?

Putz

3 comentários sobre “Putz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s